Comprar um SUV 0 km, na casa dos R$ 80 mil.

Meu amigo JR quer comprar um SUV (ou crossover), 0 km, na casa dos 80 mil reais (baixos). Ele não é PCD, nem tem CNPJ, ou seja, pagará o preço de mercado. Ele precisa de um carro com razoável espaço interno, bom porta-malas, econômico e, de preferência, automático.

Missão quase impossível, com este limite, as opções não são muitas. Vamos a elas, em ordem alfabética, com avaliações qualitativas:

Chery Tiggo5 1.5 automático – ano/modelo: 19/20, preço: 83 mil reais, rede de concessionárias: pequena, valor de revenda: incerto, prestígio: em ascenção, espaço: razoável, acabamento: razoável, atualização tecnológica mecânica: obsoleto, nível de acessórios: alto, segurança: mediana, economia de combustível: ruim.

Chevrolet Tracker 1.0 turbo automático – ano/modelo: 20/21, preço: 79 mil reais, rede de concessionárias: grande, valor de revenda: bom, prestígio: alto, espaço: grande, acabamento: bom, atualização tecnológica mecânica: alta, nível de acessórios: médio, segurança: alta, economia de combustível: boa.

Ford Ecosport 1.5 automático – ano/modelo: 20/21, preço 83 mil reais, rede de concessionárias: grande, valor de revenda: ótimo, prestígio: grande, espaço: apertado, acabamento: bom, atualização tecnológica mecânica: média, nível de acessórios: baixo, segurança: média, economia de combustível: média.

Hyundai Creta 1.6 automático – ano/modelo: 20/21, preço 80 mil reais, rede de concessionárias: média, valor de revenda: bom, prestígio: médio, espaço: médio, acabamento: bom, atualização tecnológica mecânica: baixa, nível de acessórios: médio, segurança: média, economia de combustível: ruim.

Jeep Renegade 1.8 automático – ano/modelo: 20/20, preço: 76 mil reais , rede de concessionárias: média, valor de revenda: ótimo, prestígio: alto, espaço: bom, acabamento: ótimo, atualização tecnológica mecânica: média, nível de acessórios: bom, segurança: alta, economia de combustível: ruim.

Renault Duster 1.6 CVT – ano/modelo: 20/20, preço 83 mil reais, rede de concessionárias: grande, valor de revenda: bom, prestígio: médio, espaço: ótimo, acabamento: ruim, atualização tecnológica mecânica: baixa, nível de acessórios: baixo, segurança: média, economia de combustível: ruim.

Renault Captur 1.6 CVT – ano/modelo: 20/20, preço 88 mil reais, rede de concessionárias: grande, valor de revenda: bom, prestígio: médio, espaço: ótimo, acabamento: médio, atualização tecnológica mecânica: baixa, nível de acessórios: baixo, segurança: média, economia de combustível: ruim.

VW S-Cross 1.0 turbo – ano/modelo: 20/21, preço 89 mil reais, rede de concessionárias: grande, valor de revenda: ótimo, prestígio: alto, espaço: bom, acabamento: bom, atualização tecnológica mecânica: alta, nível de acessórios: médio, acabamento: bom, segurança: alta, economia de combustível: ótima.

Vale comentar, estes são valores anunciados na segunda quinzena de novembro de 2020, na sua maioria, referentes a modelos automáticos em suas versões mais simples. Versões com a mesma mecânica mas níveis de acessórios e acabamento mais caprichados podem ter preços acrescidos em mais de 20 mil reais.

Há que cuidar, como sempre digo, de mil em mil, acaba se comprando uma Ferrari de mais de milhão.

Trocar o iX-35 por outro crossover, bem equipado.

Meu amigo MM decidiu trocar seu Hyundai iX-35. Diferente da maioria dos proprietários do iX-35 que conheço, o MM experimentou o que há de pior no carro, que concentrou muitos defeitos de fábrica, reparados em garantia (de 5 anos), mas que fizeram com que ele ficasse sem carro muitas vezes e perdesse a confiança (ou a paciência) na marca.

Como tem dois filhos (crianças que não usam mais carrinho) o generoso espaço do iX-35 não é mais necessário. MM está focado no HR-V da Honda (a versão com o motor 1.5 turbo) e no T-Cross da VW (o 1.4 turbo). Ambos são ótimas escolhas, mas sugiro que ele também dê uma avaliada no Ford Territory (1.5 turbo), no Audi Q3 (1.4 turbo) e no Chevrolet Tracker (1.2 turbo).

O MM também se interessou pelo Jeep Compass (2.0 aspirado), alertei para o alto consumo (se comparado ao das outras opçoes analisadas).

Para o MM, o carro precisa ter teto solar, câmbio automático, motor econômico, muitos equipamentos embarcados, segurança alta e boa dinâmica.

Nas suas versões mais completas, podemos achar nos sites de venda de carros na internet, os carros sugeridos pelos seguintes preços:

  • Tracker Premier por: R$ 120 mil
  • T-Cross por: R$ 131 mil
  • Compass Limited Flex: R$ 135 mil
  • HR-V Touring por: R$ 145 mil
  • Compass Limited Diesel 4×4: R$ 160 mil
  • Territory Titanium por: R$ 190 mil
  • Q3 Prestige por: R$ 224 mil

Por conta do preço, o Compass Diesel*, o Territory e o Q3 estão fora da prioridade.

Ficam para comparação o T-Cross, o Tracker e o HR-V. O Tracker tem o menor motor, mas é muito moderno no projeto de carroceria e no conjunto motor/câmbio. O HR-V tem um motor moderníssimo, mas com carroceria já muito batida, deve estar prestes a mudar. Já o T-Cross, que tem ótimo conjunto motor/câmbio, deixa a desejar no espaço interno e porta-malas, mas esbanja no painel totalmente digital.

Recomendei ao MM que leve a esposa para um teste drive em cada um antes de decidir, pois as 3 primeiras opções são bastante diferentes entre si, e como ela será a principal motorista, a adaptação à dinâmica do carro e à manobrabilidade, serão fundamentais para uma convivência pacífica.

Os 3 são ótimas opções para a proposta da família. Boa sorte na escolha!

*Se a família do MM pretender rodar muito com o carro novo, vale a pena fazer as contas, pois o custo do km rodado no diesel é bem menor e pode ser vantajoso pela economia no combustível e pelo maior preço de revenda.

Dúvidas sobre o aluguel de carros em longo prazo.

Anotei algumas perguntas de leitores e amigos sobre o POST anterior, que tratou de aluguel de carros. Tentei obter as respostas oficiais da Unidas, mas, depois de 9 dias de espera, resolvi dar as minhas versões, baseadas no contrato que assinei.

– O valor do aluguel tem reajuste?
Não, o valor é fixo no prazo contratual. No meu caso, é fixo por 42 meses.
– No caso de um sinistro, com pequeno ou médio dano, há franquia a ser paga pelo locatário?

Continuar lendo

Comprar ou alugar um carro?

Já tratei do tema locação de longo prazo aqui no BLOG, ao ser questionado por um motorista de aplicativo. Agora, como aluguei um carro (por 42 meses), muitos amigos estão perguntando se vale a pena mesmo.

A resposta é: para mim valeu, mas não vale sempre! É preciso fazer contas e analisar o perfil de uso.

Vamos lá, o que deve ser levado em conta?

Em primeiro lugar, o tipo e Continuar lendo

Village Classic Cars 2019. Imperdível!

O evento de carros clássicos do Village Mall está, como sempre, sensacional. A entrada é franca para os visitantes (os expositores é que pagam…) e a coleção exposta é de alto nível. Alguns exemplares raríssimos, outros curiosos. Vale a visita. Nas fotos a seguir, um aperitivo do que você poderá encontrar. Se estiver no Rio, não deixe de ir à Barra e conhecer (o Village fica ao lado do Barra Shopping).

A exposição estará aberta até o próximo domingo (15/set). Até sábado de 12 às 22 horas. Domingo de 12 às 20 horas. Use o estacionamento do Village Mall.

MIAU – Museu da Imprensa Automotiva.

O Museu da Imprensa Automitiva – MIAU (este acrônimo é demais!), reabre suas portas nesta sexta, feriado, com uma exposição de manuais de proprietário, entitulada “Futura espécie em extinção”.

Do site do museu (www.miaumuseu.com.br) retirei as seguintes informações: Continuar lendo

Mais um conhecido procurando um crossover 0 km…

Meu amigo A.T. me escreveu na dúvida sobre que carro comprar para a mulher (eles têm dois filhos pequenos). Ele está na dúvida entre um Honda HR-V e um Hyundai Creta.

Meu caro, escrevi dia 14Jan2018 um post para um conhecido que tinha um problema parecido, mas que usaria a isenção tributária para PCDs. Não é o seu caso, assim ajusto a resposta para o caso da sua família.

A esposa dele fez um test-drive no Jeep Compass e o achou grande. Neste caso Continuar lendo

Calendário do IPVA 2018 no Rio de Janeiro.

O Estado do RJ divulgou as datas de vencimentos dos IPVAs de 2018. Veja a tabela publicada:

Final

de

Placa

Vencimentos

Cota Única ou

1ª parcela

2ª parcela

3ª parcela

0

22/jan

21/fev

23/mar

1

23/jan

22/fev

26/mar

2

24/jan

23/fev

27/mar

3

25/jan

26/fev

28/mar

4

26/jan

27/fev

02/abr

5

29/jan

28/fev

03/abr

6

30/jan

01/mar

04/abr

7

31/jan

02/mar

05/abr

8

01/fev

05/mar

06/abr

9

02/fev

06/mar

09/abr

Mais detalhes podem ser verificados em: http://www.fazenda.rj.gov.br

Se o seu veículo está emplacado fora do RJ, verifique a tabela na secretaria de fazenda do seu governo estadual.

Mais uma lenda da Internet, a moeda na maçaneta dos carros, para facilitar o assalto,…mais uma mentira!

Se você ainda não recebeu, vai receber, por e-mail ou whatsapp, o link para um vídeo em espanhol que mostra um meliante, num estacionamento, colocando uma moeda na maçaneta direita de um carro moderno (com travas elétricas).

Segundo o vídeo, a moeda mantém a maçaneta numa posição que o sistema de travamento elétrico, depois de aberto pelo motorista, impede que a porta seja trancada. Com a porta destrancada, os meliantes seguem o veículo e o assaltam no primeiro sinal.

Fiz o teste em dois dos meus carros (Fiat 500 MultiAir Sport e Jeep Compass). Em nenhum dos dois carros a moeda impediu o travamento da porta depois de acionado o sistema automático. Pesquisei na Internet e vi que já há vários desmentidos, ou seja, é mesmo mentira!

Para não dar platéia a este picareta que se deu o trabalho de montar o vídeo mentiroso, não vou colocar o link aqui. Sugiro que você não o procure, nem o acesse, evitando assim dar audiência e número de views para ele, que usa da mentira para angariar recursos.

Abaixo um printscreen do trecho “principal” do vídeo.

moeda