Ângulos de entrada, saída e quebra.

O leitor leu o post do BLOG antigo e me perguntou como ele poderia achar os melhores ângulos de ataque e saída para o carro dele. Para responder a ele e informar os demais leitores que não leram o POST original, reproduzo aqui o texto:

Ângulos de entrada, saída e de quebra. Estes ângulos são muito importantes para a dinâmica dos veículos offroad e também para os carros de rua.

Vamos definir cada um deles e esclarecer sua utilidade.

Ângulo de entrada (AE). Também é chamado de ângulo de ataque. Ele é formado entre a horizontal e a reta que tangencia o pneu dianteiro e o ponto inferior da área frontal do veículo.

Veja o que é o ângulo de entrada (AE) no desenho esquemático da figura a seguir. O AE é responsável pela capacidade do veiculo enfrentar obstáculos verticais (um meio-fio alto ou uma rampa íngreme, por exemplo). Quanto maior o ângulo, mais capaz é o veículo.

angulos fig1

Já o ângulo de saída (AS) também pode ser visto na mesma figura. O AS é o responsável pela capacidade do veículo sair de uma depressão ou de um declive acentuado, por exemplo. Quanto maior o ângulo, mais capaz é o veículo.

O terceiro ângulo importante para a dinâmica veicular é o ângulo de quebra (AQ, ou break-over angle, em inglês). Ele é formado entre tangentes aos dois pneus, tendo como vértice o ponto mais baixo da parte inferior do veículo. Ele pode ser visto no desenho esquemático anterior, marcado em vermelho. Este ângulo representa a capacidade do veiculo transpor obstáculos altos e curtos (menor que a distância entre eixos) ou de sair de um aclive íngreme. Quanto menor o ângulo, mais capaz é o veículo.

Na figura a seguir, que deve ser comparada à primeira, visa mostrar que, se um mesmo veiculo for “alongado” seu AQ tende a aumentar, piorando a sua capacidade de vencer obstáculos em offroad.

angulos fig2

Se você não gostou dos meus desenhos esquemáticos, seguem abaixo dois desenhos profissionais, elaborados pelo fabricante americano de caminhões International®. A primeira mostra os ângulos de entrada e saída.

ae as angulos

A segunda mostra o ângulo de quebra.

aq angulo

Finalmente, a resposta ao leitor:

Os leitores já devem ter percebido, que os ângulos de entrada (ou de ataque) e saída são uma característica do veículo e não uma grandeza variável que possa ser calculada em função de situações do terreno. O mesmo vale para o ângulo de quebra.